segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Tarte de batata-doce com amêndoa – receita Bimby

Tarte de batata doce

Bem, como é que eu hei-de dizer isto… esta é sem dúvida, e segundo as palavras do meu marido, “uma das melhores coisinhas” que fiz nos últimos tempos. E por acaso até penso que ele terá razão. Esta tarte é deliciosa. Mesmo. Já foi repetida várias vezes e sempre que faço outra coisa lá tenho que ouvir “não percebo porque é que não fizeste a tarte de batata-doce…”
A receita vem directinha do fórum bimby. Por isso, aqui fica:

500g de batata doce depois de descascada
400g de açúcar
250g de amêndoa
6 ovos
100g de margarina
raspa de limão (não costumo usar)
1 colh. de cha de canela

Com o copo da Bimby seco, triturar as amêndoas na vel. 5-7-9. Verificar se a amêndoa ficou em “pó”. Reservar.

Cozer a batata-doce partida em pedaços (eu cozi num tacho, no fogão), escorrer e triturar, na vel. 4, cerca de 1 min., até ficar em puré. Reservar.

Colocar a borboleta no copo. Juntar os ovos com o açúcar e a margarina. Bater durante 4 min., temp. 37, vel. 3. Quando o tempo acabar programar mais 4 min., vel. 3. Retirar a borboleta.

Juntar a batata, a amêndoa, a canela e raspa de limão (opcional). Bater alguns segundos até estar tudo envolvido na vel. 4 ou 5.

Untar e polvilhar uma tarteira e levar a forno pré aquecido (180.ºC) cerca de 35/40 minutos.

Depois de fria, polvilhar com açúcar em pó. Costumo levar ao forno no recipiente onde a sirvo. Nunca experimentei desenformar…

Bom apetite!

Tarte de batata doce

17 comentários:

  1. Que linda! A fatia está fabulosa!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  2. elah... que maravilha! Esta vou imprimir, algo que me diz que vai ser mt apreciada! Claro que ninguem pode saber a quantidade de açucar que leva hehehe

    ResponderEliminar
  3. Ficou com um óptimo aspecto, eu sou fã de batata doce em tudo!

    ResponderEliminar
  4. Ficou linda. Tenho andado a cuscar umas receitas de bolo ou tarte que levem batata doce, mas esta tua receita deve ser a melhor que até agora vi.
    Vou regista-la no meu caderniho de "a fazer brevemente"
    Bjs

    ResponderEliminar
  5. Olá. Tenho bimby à pouco tempo e por isso estou a descobri-la ao poucos e esta parece-me um óptima receita para experimentar
    Este fds fiz os bolinhos de canela.
    Bons cozinhados

    ResponderEliminar
  6. vai sair já seguir uma tarte dessas aqui em casa, tenho ali quase 1 kg de batatas doces a "passar a validade", os restantes ingredientes tb ali estão........vou ali colocar a mão na massa ( não tenho Bimby :O )

    boa semana

    ResponderEliminar
  7. Estou tentada a fazê-la mesmo sem ter bimby, o aspecto está-me a fazer cócegas, mas será que não pode levar menos açúcar? Qualquer dia tenho que entrar em dieta forçada.

    ResponderEliminar
  8. Do que me foste lembrar!
    No primeiro Natal que passei com Bimby fiz esta tarde, adorei!
    Mas é como dizes, é tão boa e irresistível, que nunca mais a repeti para não cair em tentação.
    :)

    Ficou linda!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  9. Pois... o açúcar! Mas também é uma vez de vez em quando! Dividido por várias pessoas, até passa despercebido! ;))

    ResponderEliminar
  10. esta bem bonita
    essa fatyia esta a pedir uma trinca hihi

    ResponderEliminar
  11. Ficou linda :D
    Será que me podia arranjar a versão tradicional??
    Beijinhos e obrigada*

    ResponderEliminar
  12. Deve ser uma maravilha.. fiz à tempos uns Muffins com batata doce e adorei.
    beijinhos (*.*)

    ResponderEliminar
  13. Ora pois que, sendo hoje magusto no trabalho, decidi fazer um remake, já que a primeira foi um sucesso. Mas tu já me conheces, da primeira vez não tinha amêndoas e fiz com nozes e agora tinha tudo, mas decidi pôr metade do açúcar em versão amarelo. Depois conto-te :-)
    'Jinhos!

    ResponderEliminar
  14. Parece (diz quem provou esta última - eu nem lhe pus um dentinho que fosse)que a versão com nozes é ainda melhor. Tens que experimentar.
    De qualquer modo, foi um sucesso no magusto.

    ResponderEliminar
  15. A amendoa que usou não tem pele ?
    Tenho visto várias receitas com pele, mas a fatia da foto está tão clarinha que parece sem pele. O que ficará melhor ?
    Quero levar esta receita a um concurso de sobremesas da festa de natal do meu trabalho, vamos ver se resulta :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sinceramente não me recordo se nesta vez usei com ou sem pele (já faz quase 6 anos!), mas seguramente já usei das duas maneiras, depende sempre do que tenho em casa. E garanto-lhe que resulta lindamente de qualquer das formas! É uma das tartes preferidas lá de casa! :) Depois conte como correu!

      Eliminar

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...