segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Doce de abóbora básico - receita Bimby

Doce de abóbora - Bimby

Descobri cedo a facilidade com que a Bimby faz uns docinhos caseiros deliciosos. A facilidade e a velocidade… sem preocupações. Hoje trago a minha primeira experiência com doces na Bimby, mas desde aí tenho alargado as variedades e dado largas à imaginação. O processo é sempre o mesmo. E resulta. Por outro lado, já “ouvi reclamações” da pouca durabilidade dos doces confeccionados na Bimby, uma vez que não fervem tempo suficiente. Nunca consegui comprovar esta “falha”, uma vez que lá por casa os doces vão desaparecendo relativamente depressa, quer para consumo próprio, quer para ir oferecendo.

Em relação a acrescentar “coisas duras” (leia-se nozes, amêndoas, etc…) aos doces, também não costumo usar, uma vez que a minha filhota mais velha leva fatias de pão integral com doce para a escola e se encontrasse “ossos” no pão era capaz de ficar sem lanchar. Já agora aproveito para deixar a curiosidade. Houve outras crianças, no 1.º ciclo, que se riram pelo facto da J. levar esse lanche para a escola. Infelizmente o que prolifera são os pães embalados com chocolates e similares. É pena que os pais não tomem consciência de uma vez por todas, da importância de uma alimentação saudável e equilibrada nos primeiros anos de vida. É a plataforma para uma vida mais saudável no futuro. Eu expliquei-lhe e felizmente ela percebeu sem dramas que só tinha vantagens em “ser diferente”, nesse aspecto, claro! Eu também cometo as minhas loucuras com elas, mas no que se pode evitar, penso sinceramente que se deve evitar. Eu ainda hoje “sofro” por ter tidos excessos alimentares na infância e não quero que elas passem por isso…

Bem, mas aqui fica o doce de abóbora básico:

700g de abóbora (já descascada e limpa)
150g de açúcar amarelo
150g de açúcar branco
Sumo de ½ laranja
1 pau de canela

No copo da Bimby colocar a abóbora e os açucares. Programar 15 seg., vel. 6 – isto dependerá da consistência com que cada um gosta dos doces. Acrescentar o sumo da laranja e o pau de canela. Programar 30 min., vel. 2, temp. 100.

Quando estiver pronto distribuir por frascos estirilizados (costumo fervê-los, enquanto faço o doce, cerca de 10 min.) e deixar arrefecer com a tampa voltada para baixo.

Bom apetite!

11 comentários:

  1. as compotas caseirinhas são de longe as melhores.... atua está com umbom aspecto...
    beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Olá,
    O teu blog para mim, já é um vicio e venho cá todos os dias bisbilhotar e tirar ideias. E hoje, por este teu post, posso ver que temos algumas coisas em comum.
    A bimby, os docinhos feitos na bimby. E o doce de abóbora é o que faço mais vezes. È fantásticos e também nunca consegui perceber se têm uma validade menor por eles desaparecem muito rapidamente.
    Quanto à alimentação das crianças, sou completamente de acordo com as tuas ideias. O meu filhote leva para o lanche um pacote de leite, um pão com manteiga e uma peça de fruta. Ele diz muitas vezes que os colegas levam Bolicaos (não sei se é assim que se escreve) para o lanche mas cá em casa nunca entraram e não tenho pena por isso. Mas também devo reconhecer que conto com a ajuda da professora, porque ela incentiva-os bastante a levarem alimentação saudável.

    Beijinhos
    Sandra

    ResponderEliminar
  3. Concordo plenamente ctg!

    Hj em dia é quase criminoso aquilo que os miudos levam para para o lanche...

    A minha filhota mais velha tb tem que ter muito cuidadito com o que come pq tanto ela como a mana mais nova são ambas redonditas ;-)

    Olha. adoro o teu blog :)

    ResponderEliminar
  4. Infelizmente, hoje em dia o "diferente" é ter-se pais que se preocupam com a alimentação dos filhos...
    É uma herança de boa saúde que lhes vamos dando dia-a-dia. :) :)

    Os doces da bimby só duram menos nem será tanto pelo facto de ferverem menos. A verdade é que como se fazem com tanta simplicidade e rapidez, podemos fazer menos quantidade de cada vez e ir comendo sem precisar armazenar durante tanto tempo grandes quantidades. Assim, podemos reduzir o açúcar, o conservante dos doces, e ter umas compotas mais levezinhas.
    E lindas, como este doce de abóbora!

    Beijinhos. :)

    ResponderEliminar
  5. O teu doce tem um aspecto delicioso...
    O doce de abóbora foi o meu primeiro doce e sem dúvida uma experiência a repetir...
    Por estes lados ainda não há bimby...por isso tem que ser da maneira tradicional ;)

    Quanto à alimentação dos mais novos...eu vou aprendendo com vocês... assim quando chegar a minha vez........ ;)
    Obrigado pela partilha...
    Beijinhos e boa semana....

    ResponderEliminar
  6. eu adoro este doce e tao bom entao com um queijinho fresco nham
    e com nozes sim eu adoro :-)
    fazes bem em preocupar-te com a alimentaçao
    ca em casa felizmente nunca ouve assim doces em excesso
    beijinhos e boa semana

    ResponderEliminar
  7. quando vierem os morangos, hás-de experimentar...o doce fica optimo na bimby!

    ResponderEliminar
  8. Acabei de fazer o meu 1º doce na Bimby com esta receita. Eu e o meu marido nem deixamos arrefecer e já o provamos: delicioso!
    Obrigada pela receita :)

    ResponderEliminar
  9. Estou a fazer neste momento e acho que vai ficar muito mais liquido que consistente. Fiz a receita tal qual,já vai em 15 minutos e parece sumo não doce ...... Ajudem-me......

    ResponderEliminar
  10. Boa tarde, eu tenho imenso açúcar amarelo k gostaria de aproveitar nesta compota de abóbora. Pode-se utilizar apenas esse açúcar ou tem k se juntar sempre açúcar branco? Em caso afirmativo qual a quantidade de açúcar amarelo k devo utilizar? Obgda Bjs Sofia (só espero k a minha compota fique com o aspecto delicioso da sua) :)

    ResponderEliminar
  11. Pode ser só açúcar amarelo, sem problema! ;)

    ResponderEliminar

Post Ads (Documentation Required)

Author Info (Documentation Required)