quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Doce de pêssego



Sabem aqueles pêssegos que ninguém come no primeiro ou segundo dia que chegam a casa? Se ficam na fruteira enchem-se de mosquitos da fruta. Se vão para o frigorífico começam a ficar engelhados… foi o caso destes. Depois de dois dias na fruteira, resolvi pô-los no frigorífico. E os dias foram passando. Uns iogurtes à frente, a marmita para o dia seguinte e ninguém via os pobres dos pêssegos a engelharem… Quando reparei neles percebi imediatamente que já ninguém lhes iria tocar. Mas lá em casa não se deita comida fora. E por isso tinha que os aproveitar de outra forma. Não ia fazer um bolo porque era segunda-feira e ainda tinha bolo do fim-de-semana. Resolvi fazer um doce. Sabia que não ia render muito, mas também não iriam para o lixo! Lá rendeu um bom frasco de 400ml de doce de pêssego que ficou com a consistência ideal e delicioso! Não tive trabalho nenhum uma vez que apenas tirei os caroços dos pêssegos e foram para o robot com pele e tudo, mesmo sendo daqueles com “pelinho”. No meu caso usei a Bimby, porque é o robot que tenho, mas adapta-se a qualquer um…



500g de pêssegos com pele mas sem caroço
200g de açúcar
1 colher de sopa de essência de baunilha caseira

Colocar os pêssegos partidos em pedaços dentro do copo do robot de cozinha. Juntar o açúcar e a essência de baunilha. Programar 25 min., temp. 100, vel. 1. Terminado o tempo triturar 1 min., vel. 5. Retirar de imediato para um copo ou copos, tapar e deixar arrefecer por completo antes de consumir.

Bom apetite!


4 comentários:

  1. De algo que ninguém queria para algo que todos querem de certeza! Está com uma cor e textura fantástica! Ainda ontem me pediram para fazer este doce :)

    Beijinhos Ana
    https://acasinhadasbolachas.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Este ano não fiz nenhum doce, esse ficou perfeito

    ResponderEliminar
  3. E que belo fim tiveram esses pobres pêssegos rejeitados!

    ResponderEliminar

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...