segunda-feira, 2 de março de 2015

Vazio

Hoje não trago receita. Hoje estive na incerteza de publicar este texto. Porque não quero invadir a privacidade de ninguém. Mas também não quero esquecer. Hoje trago apenas um vazio enorme.

Hoje foi seguramente o dia que me cais custou deixar a minha filha na escola. Mais do que no seu primeiro dia de berçário. Mais do que no seu primeiro dia de 1.º ciclo. Hoje queria ter ficado com ela de mão dada. O dia todo. Queria poder enfiar a minha mão dentro do seu peito e arrancar de lá toda a ansiedade, toda a dor, todos os medos, todas as dúvidas. Eu sei que eu, enquanto mãe, tenho muito mais consciência da dor, do que ela pode ter. E por isso mesmo passei o fim-de-semana a cheirá-la(s), a abraçá-la(s) a dar-lhe(s) o colo e o conforto que me era possível. Este fim-de-semana não quis saber se tinha a casa limpa. Não quis saber se tinha a roupa engomada. Não quis saber se tinha desafios de culinária para participar. Só queria que este fim-de-semana nunca tivesse existido. Não da maneira que existiu.

Este fim-de-semana uma menina deixou-nos. Uma menina cheia de vida. Uma amiga chegada da minha filha. Assim. De repente. Sem aviso. Sem despedidas. Sem preparações. Ficou o vazio. Ficaram uns pais despedaçados e esmagados. Ficou uma família desfeita. Ficaram os amigos… os seus amigos, que hoje, nervosamente, não sabiam lidar com a situação. Não. Com 8 anos não se lida com a morte de um amigo. Não é justo. Para ninguém. Entre lágrimas e soluços e uma cadeira vazia na sala, lá ficaram. A compor um trabalho para a sua amiga levar com ela. Mais logo. Para sempre.

A mim só me apetece abraçar aqueles pais com toda a minha energia. Mas palavras não tenho. Não há nada minimamente inteligente que se possa dizer numa altura destas. Absolutamente nada. Quanto a ti minha doce MR, só desejo que descanses em paz. Que saudades que vamos ter das tuas histórias hilariantes, da tua energia saltitante, da tua pressa de viver…

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Bolo de chocolate com coco

Bolo de chocolate com coco

Um dos bolos que saiu recentemente lá em casa foi este bolinho de chocolate com coco. É um bolo de tabuleiro, relativamente pequeno, mas muito saboroso. Hoje, e sem mais nada de especial para dizer, deixo-vos esta sugestão e o desejo de um excelente fim-de-semana…

170g de açúcar
100g de margarina vegetal à temperatura ambiente ou amolecida no micro-ondas
4 ovos
1 iogurte natural
70g de coco ralado
100g de chocolate em pó (usei chocolate para leite)
180g de farinha
1 colher de chá de fermento em pó
2 colheres de sopa de pepitas de chocolate

Bolo de chocolate com coco

Pré-aquecer o forno a 180.ºC. Untar um tabuleiro de forno (20x30) com margarina e polvilhar de farinha. Reservar.

Começar por bater o açúcar com a margarina até ficar em creme. Juntar de seguida os ovos e bater novamente. Adicionar o iogurte, o coco ralado e o chocolate em pó e bater até a massa estar homogénea.

Por fim juntar a farinha e o fermento e envolver apenas até estarem integrados. Colocar a massa na forma reservada e salpicar com as pepitas de chocolate. Levar ao forno cerca de 25-30 minutos ou até estar cozido. Retirar do forno, partir em cubos e servir.

No dia seguinte, para os cubos que faltavam comer fiz uma cobertura de chocolate (para ficar mais bombástico!):

½ tabelete de chocolate culinário
1 colher de chá de margarina
1 colher de sopa de leite

30 a 60 segundos no micro-ondas, mexendo até o chocolate ficar completamente desfeito. Depois é só despejar sobre o bolo.

Bom apetite!

Bolo de chocolate com coco

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Bolo de maçã - outra receita

Bolo de maçã

Os bolos de maçã (ou com frutas) são dos meus bolos preferidos. Lá por casa não saem com tanta regularidade como gostaria, porque as miúdas não adoram (a mais velha já aprendeu a gostar) e o pai é um bocadinho esquisito com isto da fruta nos bolos. Este ficou especialmente bom, apesar de ter sido uma segunda opção. Tinha outro bolo em mente desde a véspera, mas um dos elementos não funcionou e lá tive que tirar da manga um bolo de maçã. E ainda bem que assim foi. Aqui vos deixo a sugestão:

2 maçãs
Sumo de 1 limão pequeno

200g de margarina vegetal amolecida no micro-ondas, mas não derretida
200g de açúcar
5 ovos
2 colheres de sopa de coco ralado
200g de farinha
1 colher de chá de fermento em pó

1 mão cheia de nozes picadas
1 colher de sopa de açúcar mascavado

Antes de ir ao forno:
Bolo de maçã

Descascar as maçãs e cortar cada gomo em fatias finas. Regar com o sumo de limão e envolver. Reservar.

Pré-aquecer o forno a 180.ºC. Untar muito bem uma forma de buraco com margarina e polvilhar de farinha - nestes bolos mais pesados é mesmo necessário fazer este passo com atenção para não correr o risco de quebrarem ao desenformar. Reservar.

Começar por bater muito bem a margarina com o açúcar até ficar em creme. Juntar de seguida os ovos, um a um, batendo entre cada adição até o ovo ficar completamente integrado. Adicionar o coco ralado e bater novamente. Por fim juntar a farinha e o fermento em pó e bater apenas até ficarem integrados. Colocar a massa na forma (fica uma massa pesada) e espetar as fatias de maçã na vertical. Por cima salpicar com as nozes picadas e o açúcar mascavado.

Levar ao forno quente cerca de 45 minutos ou até estar cozido. Retirar do forno e desenformar.

Bom apetite!

Bolo de maçã

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Medalhões de pescada com abóbora salteada

Medalhões de pescada com salteado de abóbora

Numa onda de uma alimentação mais saudável, tenho experimentado novos sabores lá por casa. Às vezes com sucesso, outras vezes nem tanto… um dos casos de sucesso foi sem dúvida esta abóbora salteada. Fiquei completamente fã e seguramente irei repetir muitas e muitas vezes. Temos tendência a ser um bocadinho cépticos em relação a novos sabores. Ou sabores que metemos na cabeça que nunca iremos gostar. Mas o paladar muda ao longo da vida.

Quantos de nós enquanto crianças gostávamos de um bom prato de sopa cheio de talos de couves com rodelas gordas de cenouras e feijões a boiar, com aquele aspeto ameaçador ao nosso palato ainda tão mal treinado? E hoje se for preciso é a única coisa que queremos para um jantar quentinho de Inverno… Ver crianças a torcerem o nariz não me choca. Ver adultos que dizem que não gostam sem sequer provarem já me choca um bocadinho. Eu não gosto de queijo sem ser cozinhado. E tenho muita pena. Porque acho que tem um aspeto delicioso e uma textura de chorar por mais. Mas não consigo. E tento. Tantas vezes lá tiro uma lasca a pensar se será desta… mas não. Não há hipótese. Mas tento e tento… e acho que é por aí que devemos ir. Tentar mudar alguns hábitos. Reeducar o paladar. Estar abertos a novos sabores. Porquê acompanhar sempre a carne ou o peixe com arroz, massa ou batatas? Há uma infinidade de soluções, algumas mais saudáveis que outras, é certo. Por exemplo, porque é que eu nunca me tinha lembrado de usar abóbora como acompanhamento? Porquê??? Quarenta anos a perder uma coisa tão boa… Por isso, tentem, a sério. Experimentem novos sabores. Vão descobrir novos vícios e verdadeiros petiscos de comer e chorar por mais…

Medalhões de pescada com salteado de abóbora

Para dois:

4 medalhões de pescada
1 abóbora manteiga
1 cebola grande ou 2 médias
6 dentes de alho
Gengibre fresco
Cominhos em pó
Orégãos secos
Sal
Azeite
Sementes e frutos secos (usei daqueles saquinhos que se vendem para as saladas)

Medalhões de pescada com salteado de abóbora

Começar por descascar e partir a abóbora em cubos. Colocar um pequeno tacho ao lume com água temperada com sal. Depois de começar a ferver colocar os cubos de abóbora na água até levantar fervura novamente. Nessa altura retirá-los com a ajuda de uma escumadeira para um passador. Na mesma água colocar os medalhões de pescada para cozerem - cerca de 5 minutos.

Numa frigideira larga colocar um fio generoso de azeite. Quando estiver quente adicionar a cebola partida em meias luas finas e os dentes de alhos picados. Quando a cebola começar a ficar macia juntar os cubos de abóbora. Deixar cozinhar em lume médio, envolvendo com regularidade. Temperar com uma pequena pitada de sal, orégãos secos, gengibre fresco e cominhos moídos (tudo isto será a gosto, uma vez que não é fácil dar quantidades exatas de tempero). Quando a cebola estiver tostadinha e a abóbora macia, juntar um fio de azeite, as sementes e os frutos secos. Juntar tudo num dos lados da frigideira e colocar os medalhões de pescada no outro lado para saltearem um pouco e ganharem cor no azeite da abóbora. Quando os medalhões estiverem douradinhos está tudo pronto. Depois é só servir…

Bom apetite!

Medalhões de pescada com salteado de abóbora

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Bolo de limão com amêndoa

Bolo de limão com amêndoa

Deixo-vos hoje com a sugestão de um bolinho simples para o vosso fim-de-semana. Um bolo de limão (sim, ainda há muitos limões!) com amêndoa. Simples, rápido e saboroso. Melhor que isto, só pegar na chávena de chá, pegar num bom livro, na manta e enrolarem-se no sofá a comer uma fatia. Ahhhhhhhhhh… como é bom sonhar! Aqui fica:

5 ovos
200g de açúcar
200g de margarina amolecida no micro-ondas
Sumo e raspa de 1 limão médio
50g de farinha de amêndoa (amêndoa moída)
1 colher de chá de essência de baunilha (de preferência caseira)
50g de chocolate branco picado
250g de farinha de trigo
1 colher de chá de fermento em pó

Bolo de limão com amêndoa

Pré-aquecer o forno a 180.ºC. Untar uma forma de buraco com margarina e polvilhar de farinha. Reservar.

Começar por bater uns minutos os ovos com o açúcar até ficar um creme macio. Juntar de seguida a margarina, o sumo e a raspa do limão e a essência de baunilha. Bater novamente.

Adicionar a farinha de amêndoa, a farinha de trigo e o fermento. Bater até estar tudo integrado. Por fim juntar o chocolate picado (pode ser com uma faca) e envolver. Colocar a massa na forma e levar ao forno cerca de 35 minutos ou até estar cozido.

Verificar a cozedura, retirar do forno, deixar repousar por uns minutos e desenformar. Depois é só ir aquecer a água para o chá…

Bom apetite!

Bolo de limão com amêndoa
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...