quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Molotof com doce de ovos

Molotof com doce de ovos

Hoje trago um clássico. (Fá, aqui fica antes de dia 15!!!!!!) Apesar de já ter publicado aqui no blog um molotof, este é ligeiramente diferente, uma vez que não lhe misturei caramelo. Eu prefiro assim, mais branquinho, mas sou suspeita, uma vez que não sou especialmente apreciadora de caramelo muito forte. No outro usei uma cobertura de leite-creme e desta vez saiu o célebre doce de ovos. O molotof tem os seus preceitos para ser cozinhado. Apesar de extremamente simples de fazer, se não seguirmos as “regras” podemos ter uma valente desilusão. Aqui fica a sugestão:

(As proporções são sempre as mesmas consoante o n.º de claras usadas)
11 claras
11 colheres de sopa de açúcar + 1 – 12 colheres
1 pitada de sal fino

Para a cobertura
A proporção também é sempre a mesma. 1 ovo para 40g de açúcar, caso se goste de mais ou menos doce de ovos!
5 ovos
200g de açúcar
Nozes ou amêndoas laminadas torradas

Pré-aquecer o forno a 180.ºC. Untar uma forma de buraco com margarina, como se fosse para um bolo, mas sem polvilhar de farinha. Reservar.

Numa taça grande colocar as claras com uma pitada de sal fino e bater até ficarem formadas em castelo. Continuar a bater e adicionar o açúcar a pouco e pouco até apresentar uma consistência de merengue bem firme.

Colocar as claras na forma com a ajuda de uma colher e bater com a forma na bancada de maneira a rebentar as bolhas de ar que se tenham eventualmente criado. Colocar no forno 11 minutos (1 minuto por cada clara). Quando terminar o tempo, desligar o forno e deixar o molotof lá dentro mais 30 minutos. NUNCA abrir a porta do forno. Terminado esse tempo, abrir a porta do forno e deixar o molotof mais uns 20 a 30minutos. Retirar e evitar mudanças súbitas de temperatura (como janelas ou portas abertas e correntes de ar).

Desenformar para um prato largo.

Para a cobertura
Colocar os ovos num recipiente que possa ir ao lume e bater muito bem com uma vara de arames. Acrescentar o açúcar e bater novamente. Levar a lume brando, mexendo sempre com a vara de arames, até começar a engrossar. Retirar do lume e do tacho onde estava a ser cozinhado, para interromper de imediato o processo de cozedura. Colocar noutro recipiente e deixar arrefecer. Quando estiver quase frio, cobrir o molotof e salpicar com as nozes partidas. Levar ao frio até servir.

Bom apetite!

Molotof com doce de ovos

terça-feira, 7 de agosto de 2012

Folhados de doce de mirtilos e amêndoas

Folhadinhos com doce de mirtilo e amêndoa

Uma sugestão bem simples e rápida para acompanhar o café ou servir de suplemento a uma sobremesa de um almoço. Gosto destes folhados com doces de frutos silvestres, uma vez que são mais ácidos e tornam-se a solução perfeita para desenjoar de um almoço mais pesado. Aqui fica a sugestão:

1 placa de massa folhada (uso do lidl porque são retangulares)
1 frasco de doce de mirtilo
75g de amêndoas laminadas
Amêndoas laminadas para decoração
Açúcar em pó para polvilhar

Pré-aquecer o forno a 180.ºC. Preparar um tabuleiro com um tapete anti aderente e reservar.

Estender a massa folhada e deixar com o papel que a envolve para facilitar voltar a enrolar. Cobrir com o doce de mirtilo ou outro. Salpicar toda a superfície com as amêndoas. Enrolar a massa como se fosse uma torta. Partir em fatias de cerca de 1cm e meio com uma faca bem afiada. Colocar cada fatia com uma das faces enroladas para cima e outra acente no tabuleiro. Salpicar novamente cada fatia com amêndoas. Levar ao forno cerca de 25 minutos.

Quando estiverem douradinhas, retirar do forno e colocar a arrefecer numa grelha. Depois de frias, salpicar abundantemente de açúcar em pó. Mais simples é impossível!

Bom apetite!

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Bolo de limão de tabuleiro

Bolo de tabuleiro

Hoje trago um bolo simples de tabuleiro. Não sei o que se passa comigo, mas os meus bolos de tabuleiro não têm ficado especialmente bem nos últimos tempos. Penso que será do próprio tabuleiro! Ainda não consegui perceber muito bem. Seja como, e apesar de ter mirrado um pouco no fim da cozedura, ficou um bolo de limão bem fresco e saboroso. Aqui fica a sugestão:

4 ovos
250ml de leite + ½ copo
375g de farinha
175g+100g de açúcar
175ml de azeite ou óleo
Raspa de dois limões (os meus eram pequenos)
1 colher de chá de fermento em pó
Açúcar em pó para polvilhar

Pré-aquecer o forno a 180.ºC. Untar um tabuleiro com margarina e polvilhar com farinha. Reservar.

Numa taça colocar as gemas com o açúcar e a raspa de limão. Bater bem. Juntar depois o leite e o óleo e bater novamente.

Juntar a pouco e pouco a farinha, juntamente com o fermento e envolver. Reservar esta massa.

Noutra taça bater as claras em castelo, juntamente com as restantes 100g de açúcar. Adicionar colheradas de claras na massa reservada e envolver debaixo para cima delicadamente.

Quando estiver tudo bem envolvido, colocar a massa no tabuleiro e levar ao forno cerca de 35 a 40 minutos. Verificar a cozedura e retirar. Com o bolo ainda quente e no tabueiro, picar com um palito ou um pau de espetada e regar com o copo de leite morno. Deixar arrefecer.

Cortar o bolo em quadrados e polvilhar com açúcar em pó.

Bom apetite!

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Salada de peixe

Salada de peixe

Hoje trago mais um daqueles pratos básicos de todas as cozinhas, mas que ao anos que não fazia. E sei que não é uma novidade, mas ás vezes gosto de relembrar receitas que podem ser boas soluções em qualquer cozinha. Não inventei nada, apenas relembrei. Aqui fica a sugestão:

800g de pescada (usei filetes)
6 batatas médias para cozer
2 cenouras
½ chávena de azeitonas
1 chávena de ervilhas
125g de delícias do mar (meio pacote)
3 ovos cozidos
4 colheres de sopa de maionese
1 iogurte natural
Alho em pó q.b.

Colocar dois tachos com água e sal ao lume. Num colocar os filetes e os ovos bem lavados para cozerem. No outro colocar as cenouras e as batatas cortadas em pedaços pequenos, juntamente com as ervilhas.

Enquanto colocar numa taça grande as delícias cortadas em pedaços pequenos juntamente com as azeitonas. Reservar.

Noutra taça colocar a maionese, o iogurte natural e o alho em pó a gosto. Bater tudo e reservar no frigorífico.

Escorrer bem os legumes já cozidos e deixar arrefecer. Depois de frios colocar na taça grande.

Escorrer o peixe e partir em pedaços retirando alguma espinha ou peles que possam ter. Descascar os ovos e partir em rodelas. Juntar tudo na mesma taça.

Por fim, juntar o molho preparado e envolver bem de forma a ficar bem misturado. Servir frio.

Bom apetite!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...