quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Bolinhas com chocolate – receita Bimby/Actifry

Bolinhas com recheio de chocolate

Uma receita bem simples e rápida de fazer para o lanche da miudagem e não só! Ficam uns mini-pãezinhos com recheio de chocolate, bons para comer ainda quentes, acompanhados de um copo de leite. A receita retirei do receitasbimby.com. Muito obrigada, e aqui fica a sugestão:

125g de leite
25g de margarina
25g de açúcar
1/2 saqueta de fermento para pão
1/2 colher de chá de sal
250g de farinha
Chocolate – usei uma tablete de chocolate de leite, mas para a próxima vou usar creme de chocolate e avelãs


Colocar no copo da Bimby o leite, a margarina, o açúcar e o sal e programar 1 min., temp. 37, vel. 2.

Juntar a farinha e o fermento e marcar 20 seg., vel. 6, seguido de 3 min. na vel. Espiga.

Deixar a massa repousar cerca de 30 minutos. Terminado esse tempo, retirar pequenas porções de massa e fazer bolinhas, colocando no centro um quadrado de chocolate ou uma colher de chá de creme de chocolate e avelãs. Fechar bem a massa, de forma a que o chocolate fique completamente coberto.

Colocar na Actifry, sem pá, cerca de 10 a 12 minutos. Rendeu cerca de 16 bolinhas e fiz em duas vezes na Actifry.

Bom apetite!

Bolinhas com recheio de chocolate

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Bacalhau com broa

Bacalhau com broa

Bacalhau… pois, dispensa apresentações! Dêem-me bacalhau para comer todos os dias e serei uma mulher bastante mais feliz. Deve haver poucas coisas que goste mais de comer do que bacalhau. E se juntarmos batatas… está feito! Além disso, aproveitei um fim-de-semana em terras beirãs, para vir carregada com duas broas, daquelas mesmo boas e que têm um sabor diferente das dos hipermercados. Aqui está um prato muito simples de fazer, mas com um resultado fantástico:

500g de bacalhau demolhado e limpo de peles e espinhas (uso as embalagens do Pingo Doce)
4 a 5 batatas médias
3 ovos
½ broa – apenas o miolo
1 cebola grande ou 2 médias
6 dentes de alho
3 ramos de salsa
Azeite, sal e azeitonas q.b.

Preparar a broa. Retirar toda a côdea e esfarelar o miolo. Juntar 2 dentes de alho e os ramos de salsa, tudo bem picado. Reservar.

Colocar um tacho com água e sal ao lume. Juntar os ovos e as batatas descascadas e partidas em rodelas para cozer.

Regar o fundo de uma frigideira com azeite e colocar a cebola em rodelas finas com 2 dentes de alho picados. Deixar alourar. Depois de pronto, colocar no fundo do recipiente que irá ao forno com o bacalhau. Reservar.

Na mesma frigideira, e sem lavar, picar mais 2 dentes de alho e regar novamente com azeite. Quando o azeite estiver novamente quente juntar o bacalhau bem escorrido. Deixar cozinhar até começar a secar.

Quando as batatas estiverem cozidas, retirar do lume e escorrer. Distribuir por cima da cebola. Descascar os ovos e partir em rodelas, colocando-os por cima das batatas.

Cobrir com o bacalhau e por fim o miolo de broa. Colocar umas zaeitonas distribuídas no cimo do tabuleiro, regar toda a superfície com um fio de azeite e levar a forno pré-aquecido a 180.ºC até estar tostadinho. Servir quentinho.

Bom apetite!

Bacalhau com broa

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Uma refeição para a Maria

A Moira, do Tertúlia de Sabores, lançou um novo desafio, para festejar mais um aniversário do seu fantástico blog. Confeccionar um prato, ou uma refeição com poucos ingredientes (tivemos acesso à lista de ingredientes disponíveis) para de alguma forma ajudar, ou inspirar a Maria, que está neste momento como voluntária em Timor. Se bem que a princípio fiquei um pouco sem saber o que fazer, depressa percebi, que são ingredientes básicos, mas com os quais confecciono um sem número de refeições. Saiu uma refeição completa. Com direito a sobremesa e tudo! Aqui fica a minha sugestão e o meu agradecimento por uma iniciativa diferente e bem original!

Mini-tortilhas de atum 

Mini-tortilhas de atum

2 ovos pequenos ou 1 grande
1 lata de atum
2 tiras de pimento vermelho
3 pézinhos de salsa
1 pitada de sal
1 pitada de colorau
1 dente de alho

Alface
Orégãos
Sal
Azeite
Sumo de limão

Colocar os ovos numa tigela. Bater e temperar com a pitada de sal e colorau. Juntar o atum escorrido, o pimento cortado em cubinhos e a salsa picada. Untar uma frigideira com azeite e colocar ao lume. Quando estiver bem quente, colocar colheradas da mistura e deixar passar bem de um lado antes de virar. É normal que haja ovo a querer "fugir", mas junta-se com uma colher de pau. Quando estiver bem passado retirar para um prato. Juntar umas folhas de alface, bem lavadas e escorridas. Salpicar com orégãos e um pouco de sal. Regar umas gotas de limão e regar com um fio de azeite.

Banana caramelizada com canela

Banana caramelizada com canela

1 banana pouco madura
1 colher de sobremesa de água
1 colher de sopa de açúcar bem cheia
Canela q.b.

Colocar o açúcar na frigideira, juntamente com a água. Quando começar a ferver, juntar a banana em rodelas e polvilhar com canela. Deixar caramelizar, virando a banana de vez em quando. O processo é rápido.

Bom apetite!

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Batatas com salsichas

Batatas com salsichas

Hoje trago uma sugestão muito simples, básica e rápida de fazer. Mais agradável em tempo mais quente, mas uma excelente solução para aqueles dias em que a família tem horários diferentes para jantar. Aqui fica:

1 frasco de salsichas de cachorro
4 batatas médias
2 cenouras grandes
4 ovos
3 colheres de sopa de azeitonas pretas em rodelas descaroçadas
2 colheres de sopa de azeite
4 colheres de sopa de maionese
1 colher de sopa de mostarda

Começar por colocar um tacho com água e sal ao lume. Colocar os ovos, com a água ainda fria, e quando a água começar a ferver juntar as batatas e as cenouras partidas em cubos. Deixar cozer. Quando estiver pronto escorrer para um passador e deixar arrefecer um pouco. Descascar os ovos e partir em pedaços. Reservar.

Na taça onde se vai servir, colocar o azeite, a maionese e a mostarda. Misturar bem. Juntar as azeitonas e as salsichas partidas em rodelas e envolver. Adicionar as batatas e as cenouras e envolver bem, de forma a que o molho fique bem distribuído. Por cima colocar os ovos. Pronto a servir. Na hora, ou pronto a esperar mais um pouco!

Bom apetite!

Batatas com salsichas

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Brigadeiro de colher – receita Bimby

Brigadeiro de colher

Esta receita foi-me apresentada por uma querida e enérgica amiga, que tem umas mãos de sonho na confecção de bolos. Para quem gosta de brigadeiros, é a receita ideal, pois fazem-se sozinhos, sem ser preciso o trabalho de os “moldar”. Deve ser servido em doses bem pequenas, principalmente se for para festas infantis, uma vez que é “bombástico!! Obrigada S., e aqui fica a sugestão:

1 lata de leite condensado
1 pacote de natas
100g de chocolate de culinária em barra

Colocar todos os ingredientes no copo da Bimby e programar 24 min., temp. 100, vel. 4.

Assim que o tempo terminar separar em pequenas doses e colocar nos recipientes onde irá ser servido. Usei copinhos de café, por menos de metade e rendeu 15. Colocar no frigorífico até à hora de servir.

Bom apetite!

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Farfalle com atum e um jantar em 20 minutos

Jantar de 20 minutos...

“O que é hoje o jantar?” é uma pergunta típica lá em casa, mas só ao fim do dia. Porque de manhã, quem tem que pensar nesse assunto sou eu. Mas muitas vezes entre a correria e o stress de por toda a gente a andar para escolas e trabalho, o jantar fica por decidir, e mesmo que esteja decidido fica esquecida a parte de o tirar do congelador! Num desses dias, e depois de a minha resposta ter sido “arroz de atum”, três narizes se torceram… bem, coincidiu com o dia em que chegamos todos mais tarde, logo entre banhos, arrumação de sacos, secagem de cabelos, a solução teria que ser uma coisa bem rápida. E saiu um jantar em 20 minutos… Aqui fica:

300g de massa farfalle
3 latas de atum
5 fatias de fiambre
3 colheres de sopa de maionese
Queijo mozarella q.b.

Colocar um tacho ao lume com água abundante e bem temperada de sal. Deixar levantar fervura. Quando a água ferver, juntar a massa e deixar cozer 7 a 9 minutos.

Enquanto a massa coze, colocar num recipiente de ir ao forno, o atum escorrido e as fatias de fiambre cortadas em pedaços.

Ligar o forno no grill (se tiver essa opção!).

Escorrer a massa para um passador e passar por água fria. Escorrer novamente.

Colocar no recipiente de ir ao forno e juntar a maionese. Envolver muito bem de forma a ficar tudo bem distribuído. Cobrir com queijo mozarella e levar ao forno até dourar.

Bom apetite!

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Mini tarteletes de coco e orange curd

Mini tarteletes de coco e orange curd

Tal como prometido esta semana trago uma sugestão da utilização do orange curd. Umas mini-tarteletes de coco, muito simples de fazer. Fazem um vistaço em qualquer mesa e são mesmo muito saborosas. Aqui fica a sugestão:

Orange curd q.b.

3 claras de ovo
100g de açúcar
200g de coco ralado

Numa taça, misturar as claras, sem bater (apenas servem de “cola”), com o açúcar e o coco ralado. Pode parecer que fica uma pasta meio solta, mas funciona.

Em forminhas de silicone, daquelas mais pequenas, colocar uma bolinha da massa. Com os dedos, abrir uma cavidade ao centro e calcar bem a massa contra as paredes das formas. Deve ficar tipo caixinha de pastel, tipo pastel de nata.

Colocar as formas num tabuleiro e levar ao forno pré-aquecido a 180.ºc cerca de 10 minutos. Retirar e deixar arrefecer enformadas.

Depois de frio, encher o centro com o orange curd. Reservar no frio até à hora de servir.

Rende cerca de 30 unidades.

Mini tarteletes de coco e orange curd

Entretanto, deixo duas sugestões, onde usei lemon curd, que se pode adaptar ao orange curd, como é evidente:

Folhados de lemon curd

Torta com recheio de lemon curd

Bom apetite!

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Enroladinhos

Enroladinhos de doce

Mais um aproveitamento de cada bocadinho do que sobra. Em dia de festa também nada se desperdiça. Depois de fazer os célebres folhadinhos de salsicha que não podem faltar em festas de criança, sobrou-me quase meia placa de massa folhada e já não queria abrir outra lata de salsichas, uma vez que já tinha quase 30 folhados, ou seja, mais do que o suficiente. É apenas uma sugestão, porque o resultado é tão bom, que se pode fazer em qualquer altura, usando a receita completa. Aqui fica:

Uma base de massa folhada (uso do Lidl, que são rectangulares e são mais práticas para estas coisas)
Doce ou compota a gosto
Açúcar em pó para polvilhar

Barra-se a base de massa folhada completamente com o doce ou compota. Corta-se a massa ao meio no sentido do comprimento.

Corta-se depois em tiras finas no sentido da altura (costumo usar aqueles cortadores de pizza, ideais para cortar qualquer tipo de massa). Sobrepõem-se duas a duas e enrolam-se sobre si próprias.

Vai escorrer doce por todos os lados, mas usa-se esse mesmo doce para passar novamente a massa de forma a ficar coberta por completo (mais coisa, menos coisa…).

Leva-se ao forno pré-aquecido a 180.ºC num tabuleiro forrado com papel vegetal ou tapete anti-aderente, 15 a 20 minutos e estão prontos. Depois de frios polvilhar abundantemente com açúcar em pó.

Bom apetite!

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Orange curd - receita Bimby

Orange curd

Para fazer esta receita de orange curd, baseei-me na receita que já tinha experimentado de lemon curd e que tinha resultado muito bem. Com o Orange curd, senti necessidade de deixar mais tempo a engrossar. Apenas isso. Entretanto uma amiga já me deu um frasco de lime curd, que ainda não experimentei fazer em casa, mas achei o resultado excelente. Está na manga para uma próxima oportunidade. Aqui fica a sugestão:

400 g de açúcar
200g de manteiga (usei margarina)
Rala da casca de 2 laranjas
300 ml de sumo de laranja
6 ovos

Começar por tirar apenas a parte laranjada da casca da laranja. Reservar.

Espremer as laranjas e coar o sumo, com um passador. Reservar.

No copo da Bimby colocar o açúcar, juntamente com as cascas da laranja reservadas e pulverizar progressivamente na vel. 5-7-9, cerca de 20 seg.

Juntar o sumo de laranja, a manteiga e os ovos e misturar 30 seg., vel. 3.

De seguida, programar 10 min., vel. 2, temp. 90. Como no fim desse tempo ainda não estava com a consistência desejada, coloquei mais 5 minutos, na mesma velocidade e temperatura.

Não esquecer, que tal como os doces, depois de frio, o creme solidifica bastante mais.

Colocar em frascos esterilizados. Fechar bem e colocar com a tampa para baixo até arrefecer. Colocar no frigorífico para conservar. Apesar de levarem ovos, conservam-se bastante tempo no frigorífico, pelo menos até 3 meses.

O orange curd tem inúmeras utilidades. Para a semana coloco a receita de uma das utilizações que lhe dei.

Bom apetite!

Orange curd

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Fusilli com frango e mostarda doce

Fusilli com frango e mostarda doce

Hoje trago mais uma refeição bem rápida de preparar. Penso que até já coloquei uma receita parecida com esta, uma vez que as massas e os peitos de frango andam muitas vezes de mão dada lá em casa. A diferença está no uso da mostarda doce, que serve para caramelizar o frango, o bacon e os legumes. A mostarda doce tem a consistência da mostarda de Dijon, não sendo tão “picante” e é adoçada com mel. Aqui fica a sugestão:

300g de massa fusilli (ou outra a gosto)
2 peitos de frango
8 a 10 cogumelos naturais
1 alho francês
100g de bacon
4 dentes de alho
2 colheres de sobremesa bem cheias de mostarda doce
Sal e azeite q.b.

Começar por colocar um tacho com água e sal ao lume para cozer a massa. Depois de levantar fervura, colocar a massa e deixar cozer cerca de 8 a 10 minutos. Não deixar cozer demais. Assim que estiver pronta, escorrer e passar por água fria.

Enquanto isso, colocar um fio de azeite numa frigideira e picar os dentes de alho. Levar ao lume e acrescentar os cogumelos fatiados e o bacon partido em cubos. Quando o bacon começar a alourar, acrescentar os peitos de frango partidos em tiras, juntamente com o alho francês em rodelas.

Temperar com um pouco de sal e deixar cozinhar. Acrescentar a mostarda doce envolvendo bem por toda a frigideira. Deixar alourar bem.

Juntar a mistura da carne à massa já escorrida, regar com um pouco de azeite e envolver tudo muito bem. Servir de imediato.

Bom apetite!

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Bolinhos de coco com creme de pasteleiro – receita Bimby

Bolinhos de coco com creme de pasteleiro

Estes bolinhos são deliciosos e super simples de fazer. Como já devem ter reparado lá em casa mora o fã n.º 1 de coco! Por isso, sempre que há oportunidade, sai uma nova receita com este ingrediente. Esta retirei do blog espanhol “Las libretas de Calohe”, apesar de já ter visto em mais do que um sítio. Houve apenas um pequeno problema. O coco que tinha na dispensa, não chegou e tive que substituir a restante quantidade por flocos de aveia. Resultou muito bem e fizeram sucesso. Ficam uns bolinhos leves e muito macios. Aqui fica a sugestão:

Para o creme de pasteleiro:
200ml de leite
70g de açúcar
1 ovo
20g de amido de milho (Maizena)
Umas gotinhas de extracto de baunilha

Colocar todos os ingredientes no copo da Bimby e programar 5 min., vel. 4, temp. 100.
Depois de pronto, deixar arrefecer por completo dentro do copo.

Para completar os bolinhos juntar ao creme (depois de frio):
100g de açúcar
1 ovo
25g de mel
200g de coco ralado – no meu caso usei 125g de coco e 75g de flocos de aveia

Misturar tudo 10 seg., vel. 4.

Colocar a massa em forminhas (uso das mias pequenas) de silicone e levar ao forno pré-aquecido a 180.ºC cerca de 20 a 25 minutos. Quando estiverem douradinhos, retirar, desenformar e colocar em forminhas de papel.

Bom apetite!

Bolinhos de coco com creme de pasteleiro

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Bolo de cerveja

Bolo de cerveja

Hoje trago mais uma daquelas receitas guardadas há anos (literalmente!) do meu tão querido e agora menos activo blog “ Mesa para 4”. Um bolinho muito simples de fazer e que fica bem fofinho e saboroso. Aqui fica a sugestão:

400g de açúcar
200g de margarina amolecida
4 ovos
150 ml de cerveja branca
350g de farinha
2 colheres de chá de fermento em pó

Pré-aquecer o forno a 180.ºC. Untar uma forma de buraco com margarina e polvilhar de farinha. Reservar.

Começar por bater a margarina com o açúcar, até conseguir um creme esbranquiçado e macio. De seguida, juntar os ovos, um a um, batendo sempre entre cada adição.

Adicionar a cerveja e bater cerca de 2 minutos.

Por fim juntar a farinha e o fermento em pó, envolvendo bem na massa, mas sem bater.

Levar a forno durante cerca de 40-45 minutos. Verificar a cozedura, retirar do forno e desenformar.

Bom apetite!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...