segunda-feira, 29 de Novembro de 2010

Biscoitos de creme de chocolate, avelã e aveia

Biscoitos de aveia, chocolate e avelã

Mais uns biscoitos à minha medida, com 3 ingredientes que gosto muito, e muito, mas mesmo muito simples de fazer. A receita vem do país vizinho, do fantástico blog “Las libretas de Calohe”. Eu adaptei a receita à Bimby, mas aqui fica a receita tradicional:

85g de manteiga ou margarina
175g de creme de chocolate com avelãs (tipo Nutella)
175g de flocos de aveia
75g de avelãs picadas

Pré-aquecer o forno a 180.ºC. Amolecer a manteiga no microondas. Adicionar depois o creme de chocolate e envolver bem, até estar tudo bem misturado. Juntar os flocos de aveia e as avelãs picadas e envolver até estar bem homogéneo.
Fazer os biscoitos com a ajuda de uma colher de sobremesa e colocar directamente num tabuleiro forrado com uma superfície antiaderente. Levar ao forno cerca de 15 minutos. Quando saem do forno os biscoitos ainda estão com uma consistência mole. Deixar arrefecer 10 minutos ainda no tabuleiro e depois retirá-los para uma rede, onde devem arrefecer por completo antes de armazenar. Rende cerca de 30 biscoitos.

Bom apetite!

sexta-feira, 26 de Novembro de 2010

Entrecosto no forno com mel e mostarda

Entrecosto no forno com mel e mostarda

Aqui vem uma sugestão de fim-de-semana. Não dá trabalho nenhum, mas exige tempo para que os alimentos ganhem sabor. Costumo começar a preparar logo a seguir ao pequeno-almoço, e depois lá para o fim da manhã é só colocar no forno, ir vigiando de vez em quando e preparar o acompanhamento. Aqui fica:

1 entrecosto de porco
Sumo de 1 limão
Sumo de 1 laranja
2 colheres de sopa de mel
4 colheres de sopa de vinho tinto
4 colheres de sopa de azeite
4 dentes de alho picados
1 colher de sopa de sementes de mostarda
2 colheres de sopa de mostarda
2 folhas de louro
Pezinhos de salsa
1 colher de chá de pimentão doce
Sal q.b.

Num tabuleiro de ir ao forno colocar o entrecosto. Temperar com sal, sumo de limão e vinho tinto. De seguida preparar o molho para o tempero. Juntar todos os restantes ingredientes numa taça e misturar bem. Deixar a tomar sabor pelo menos 2 horas. Após esse tempo, aquecer o forno a 200.ºC. Colocar o tabuleiro do entrecosto e deixar alourar. Retirar do forno, regar com parte do molho de tempero e virar o entrecosto. Levar novamente ao forno mais 30 minutos. Retirar novamente do forno, voltar a virar o entrecosto e regar com o restante molho. Deixar assar até estar bem tostadinho.

Acompanhei com salada e arroz branco.

Bom apetite!

quinta-feira, 25 de Novembro de 2010

Bolo fofo de tangerina e amêndoas

Bolo fofo da tangerina e amêndoas

Esta é apenas mais uma versão do bolo de claras. Ficam bolos pequenos mas muito, mesmo muito saborosos. Peço desculpa de não ter nenhuma foto melhor, nem sequer do interior, mas este horário de Inverno é muito ingrato para fotografar durante a semana. Não tenho tempo de montar nenhum “ estúdio” fotográfico e a luz nocturna é sempre péssima! Mas o bolo compensa… Aqui fica:

220g de açúcar
125g de farinha
125g de manteiga
8 claras
1 colher de chá de fermento
sumo de 2 tangerinas
Raspa de tangerina
Amêndoas laminadas para cobrir
Açúcar para polvilhar
1 pitada de sal fino

Pré-aquecer o forno a 180.ºC. Bater as claras, juntamente com o sal, em castelo bem firme e reservar.
Bater a manteiga amolecida no micro-ondas juntamente com o açúcar até ficar uma massa fofa e esbranquiçada. Juntar a farinha, o fermento, o sumo e a raspa das tangerinas e bater muito bem. Juntar duas colheradas das claras batidas e envolver delicadamente para soltar a massa. Juntar as restantes claras batidas e envolver delicadamente com uma colher, sem bater, de baixo para cima.
Colocar a massa numa forma sem buraco, untada e polvilhada, e por cima colocar as amêndoas laminadas e salpicar com açúcar. Levar ao forno cerca de 30minutos.

Bom apetite!

terça-feira, 23 de Novembro de 2010

Hoje a Moira vem jantar… e vai haver pão com cebola frita!

Pão de cebola frita

Era suposto ter colocado esta receita durante o “World Bread Day”, mas na altura estive com problemas no Blogger e no Flickr e não consegui de maneira nenhuma cumprir o calendário. Ficou meia esquecida, mas agora surgiu a oportunidade perfeita de a trazer à luz, uma vez que merece o seu devido destaque. E a oportunidade perfeita foi o convite da Moira, da Tertúlia de Sabores para participar em mais um aniversário do seu fantabulástico blog. Mas, mais uma vez, completamente aérea e distraída, troquei-me toda e confundi as datas!!!!! O aniversário foi a 20… Tenho mesmo que comprar uma agenda para o próximo ano! Seja como for, minha amiga, aqui fica a minha humilde participação na tua comemoração.



É um pão muito simples de fazer e muito saboroso. Eu fiz na Bimby, mas facilmente se adapta à Máquina de Fazer Pão ou até mesmo ao método tradicional das mãos. A receita vi espalhada por vários blogs espanhóis, mas esta concretamente retirei do blog “Las libretas de Calohe”, que aconselho vivamente a visita. A cebola frita comprei no Ikea, mas depois disso já comprei novamente no El Corte Inglês, sensivelmente ao mesmo preço. Aqui fica:

170g de água
1 colher de sopa de azeite
1 noz de manteiga
1 colher de café de açúcar
1 colher de café de sal fino
300g de farinha T65
1 pacotinho de fermento de padeiro
50g de cebola frita
Leite para pincelar

Colocar no copo da Bimby a água e o açúcar e programar 2 min., 37.ºC, vel. 2. Juntar a manteiga e envolver 5 seg., vel. 6. Com a espátula limpar as paredes do copo.
Colocar metade da farinha, juntamente com o fermento e programar 14 seg., vel. 6.
Adicionar a restante farinha e o sal e programar 2 min., vel. Espiga.
Juntar a cebola e o azeite e programar novamente 2 min., vel. Espiga.
Colocar a massa num recipiente que possa ir ao forno, tapar bem (usei papel de alumínio) e colocar no forno cerca de uma hora a 50.ºC.
Ao fim desse tempo, retirar e dar a forma desejada, pincelar com leite, colocar num tabuleiro enfarinhado ou anti-aderente e levar novamente ao forno, ainda tapado, mais 45 minutos a 50.ºC. Ao fim desse tempo aumentar a temperatura para 200.ºC, até que o pão esteja dourado.

Bom apetite!

Pão de cebola frita

segunda-feira, 22 de Novembro de 2010

Empadão de peixe

Empadão de peixe

Apesar de já ter trazido a sugestão de empadão de bacalhau, hoje trago uma receita muito semelhante, mas com uma execução completamente diferente. Agora com a ajuda da Bimby para o puré e um atalho para poupar tempo. Quem não tiver Bimby para fazer o puré, faz o puré da forma tradicional, na quantidade suficiente para duas camadas, como para qualquer empadão. Aqui fica:

800g de medalhões de pescada
1 receita de puré de batata para a Bimby
½ pimento vermelho
1 cebola grande
2 dentes alho
5 cogumelos frescos laminados
3 ovos cozidos
1 ovo para pincelar
Azeitonas pretas fatiadas e descaroçadas

Começar por pôr o puré a fazer na Bimby. Ligar o forno a 200.ºC. De seguida colocar um tacho com água e sal ao lume para cozer os medalhões de pescada e os ovos. No recipiente que se quer usar para fazer o empadão, partir a cebola em fatias finas, os dentes de alho, o pimento em fatias muito fininhas e os dentes de alho. Distribuir uniformemente pelo tabuleiro, temperar com uma pitada de sal e regar com um fio de azeite. Levar ao forno e deixar cozinhar. Quando o puré estiver pronto e o peixe e os ovos cozidos, retirar o tabuleiro do forno e “montar” o empadão. Cobrir o preparado que já está no tabuleiro com puré de batata. Por cima colocar o peixe, já partido em pedaços não muito pequenos. Cobrir o peixe com rodelas de ovo cozido e azeitonas. Colocar a segunda camada de puré de batata e cobrir com um ovo batido. Enfeitar com azeitonas e levar ao forno novamente até dourar. Acompanhar com salada!

Bom apetite!

sexta-feira, 19 de Novembro de 2010

Bolo da capinha

Bolo da capinha

Hoje trago outra receita da revista teleculinária. Sofreu algumas alterações, mas é uma receita muito simples e prática. As fotografias não ficaram excelentes, mas o bolo ficou bastante saboroso. Aqui fica mais uma sugestão de um bolinho para a semana:

240g de açúcar
180g de farinha
150g de amido de milho
5 ovos
1 dl (decilitro) de óleo
1 iogurte com aroma de baunilha
1 colher de sobremesa bem cheia de fermento
Raspa da casca de um limão
Margarina e farinha para untar e polvilhar
Açúcar e canela para polvilhar

Untar uma forma de bolo inglês com margarina e polvilhar com farinha. Ligar o forno a 180.ºC. Numa taça juntar o açúcar, os ovos, a raspa de limão, o óleo e o iogurte. Bater muito bem até ter uma mistura homogénea. Juntar a farinha, o amido de milho e o fermento e bater muito bem novamente. Colocar a massa na forma e polvilhar abundantemente com açúcar e canela. Levar ao forno pré-aquecido cerca de 45 minutos. Verificar a cozedura com um palito, retirar do forno, desenformar e deixar arrefecer.

Bom apetite!

Bolo da capinha

quarta-feira, 17 de Novembro de 2010

Frango frito com mostarda doce – Actifry

Frango frito com mostarda doce

Cada vez mais ando rendida aos encantos do meu novo brinquedo. É de facto muito mais saudável e muito simples de utilizar, com a grande vantagem de sujar mesmo muito pouco. Além disso, e no caso desta receita, pode-se preparar tudo e seguir à nossa vida, ou seja o jantar levou-me 5 minutos a fazer… vá, se não contar com o tempo de preparar a água para cozer o esparguete!!! Aqui fica:

1 frango inteiro partido em pedaços pequenos
3 colheres de sopa de vinho branco
5 cogumelos naturais laminados na hora
2 pezinhos de salsa bem picados
3 dentes alho picados
1 colher de café de pimentão doce
Sal grosso q.b.
2 colheres de sopa de mostarda doce
2 colheres medida, mal cheias, de azeite

Agora vem a parte difícil… Colocar o frango no recipiente da Actifry e por cima colocar todos os restantes ingredientes. Programar 25 minutos. Fica pronto a servir! Acompanhei com esparguete.

Bom apetite!

Frango frito com mostarda doce

terça-feira, 16 de Novembro de 2010

Creme picante de beterraba com ovo – receita Bimby

Creme picante de beterraba com ovo

Hoje trago mais uma sopinha. Quando se faz dieta (ou pelo menos quando se tenta!!!) há que ir inovando, para não cairmos sempre nos mesmos sabores. Esta é daquelas que só eu é que como lá em casa. Aliás, como quase todas… infelizmente! Aqui fica:

1 beterraba
1 cebola grande
2 dentes de alho
2 cenouras médias
1 curgete pequena
2 ovos cozidos
Sal, azeite e piri-piri em pó q.b.

No copo da Bimby colocar todos os legumes descascados e partidos em pedaços pequenos. Cobrir com água e temperar com um fio de azeite, sal e piri-piri a gosto. Programar 20 min., vel. 1, temp. varoma. Enquanto isso, colocar os ovos a cozer num tachinho com água e sal.
Terminado o tempo, passar a sopa 1 min. velocidade progressiva 5- 7 -9. Servir quente e salpicada com ovo cozido picado.

Bom apetite!

segunda-feira, 15 de Novembro de 2010

Bolo de coco e ananás

Bolo de côco e ananás

Já fiz este bolinho há bastante tempo. Infelizmente não consigo actualizar o blog à velocidade que gostava, e, por isso, muitas receitas vão ficando para trás, mas não esquecidas. Este bolo fez sucesso e desapareceu num ápice. A receita retirei do blog “Raspas de laranja”, apesar do link que tenho aramazenado, já não funcionar. Seja como for, foi de lá que ela veio. Pode ser adaptado à Bimby. Aqui fica:

(Utilizei uma chávena de chá com capacidade para 250ml)
3 ovos
1 chávena de chá de açúcar
1 e 1/2 chávena de chá de farinha
1 chávena de chá de coco ralado
4 rodelas de ananás
1 iogurte natural
1/2 chávena de chá de manteiga à temperatura ambiente
1/2 chávena de chá de bicarbonato de sódio (opcional)
1/2 colher de chá de sal finococo ralado q.b.

Começar por untar uma forma de bolo inglês com manteiga e polvilhar com bastante coco ralado. Reservar.

Bater a manteiga com o açúcar até ficar em creme e juntar os ovos, um a um, batendo bem entre cada adição. Juntar o iogurte e a farinha misturada com o bicarbonato e com o sal. Mexer bem até a massa ficar bem cremosa. Cortar as rodelas de ananás em pedaços pequenos e juntamente com o coco, adicionar à massa. Colocar na forma previamente preparada e levar a forno médio (180.ºC) e pré-aquecido durante cerca de 40 minutos. Fazer o teste do palito e quando estiver cozido retirar do forno. Desenformar e ainda quente polvilhar com coco ralado.

Bom apetite!

Bolo de côco e ananás

sexta-feira, 12 de Novembro de 2010

Esparguete com cogumelos e espinafres, salteado com azeite, alho e coentros

Esparguete com cogumelos e espinafres, salteado com azeite, alho e coentros

Tenho por hábito fazer trocas de cozinha com uma amiga que tem a mesma paixão e gosto que eu pelas artes culinárias. São normalmente bem divertidas de preparar, e vêm sempre recheadas de coisas boas e saborosas, mas também cheias de carinho e amizade. Nesta última troca, recebi um frasquinho com um conteúdo delicioso. Azeite, alho e coentros. Três ingredientes que uso e abuso nas minhas receitas. E todos misturados… só podem ser mesmo deliciosos! Resolvi começar a usar neste esparguete que serviu na perfeição para o jantar. E não é preciso usar carne nem peixe. Além disso a rapidez e facilidade de execução são as ideais para um jantar improvisado! As quantidades são para dois adultos. Aqui fica a sugestão:

250g de esparguete integral
300g de espinafres congelados
8 cogumelos naturais cortados em fatias finas
2 colheres de sopa de azeite
2 dentes de alho picados finos
2 pés de coentros picados finos
(no meu caso tinha os 3 últimos ingredientes já prontos)

Colocar um tacho com água ao lume. Depois de estar a ferver, temperar a água com sal e juntar o esparguete. Deixar cozinhar. Quando o esparguete estiver a meio da cozedura (cerca de 4 a 5 minutos) adicionar os espinafres, separar com um garfo, e deixar cozer. Ao fim de 3 a 4 minutos, retirar do lume, e escorrer para um passador (convém verificar se o esparguete está al dente!). No mesmo tacho colocar o azeite, o alho e os coentors picados. Levar a lume brando. Quando o azeite começar a ferver, juntar os cogumelos e deixar cozinhar até estarem macios, mexendo ocasionalmente com um garfo. Por fim, colocar o esparguete e os espinafres novamente no tacho, envolver bem e desligar o lume. Pronto a servir!

Bom apetite!

quarta-feira, 10 de Novembro de 2010

Bolo de chocolate raspado – teleculinária

Bolo de chocolate raspado

Hoje trago a sugestão de um bolinho, daqueles bons para o lanche da pequenada, que rende ainda para durante a semana. A receita é retirada de uma teleculinária. Aproveitei esta receita para utilizar alguns dos produtos recebidos no kit enviado pela marca Espiga. Aqui fica:

200g de farinha (usei Branca de Neve)
250g de açúcar
1 tablete de chocolate (usei de leite)
1 iogurte natural
4 ovos
1,5 dl (decilitros) de óleo (usei óleo alimentar Espiga)
1 colher de chá de fermento
Margarina para untar e farinha para polvilhar (usei o Spray para untar Espiga)

Aquecer o forno a 180.ºC e pulverizar a forma com o spray para untar. Raspar a tablete de chocolate num ralador de cozinha e reservar. Numa taça colocar todos os restantes ingredientes e bater muito bem até ficar uma massa homogénea e muito lisa. Adicionar por fim as raspas de chocolate e envolver com uma colher. Deitar o preparado na forma e levar ao forno pré-aquecido cerca de 40 minutos. Verificar a cozedura, retirar do forno, desenformar e deixar arrefecer.

Bom apetite!

Bolo de chocolate raspado

segunda-feira, 8 de Novembro de 2010

Chocolates com frutos secos – receita bimby (ou não!)

Chocolates com frutos secos

Esta é das coisas mais simples de fazer e óptima para os gulosos. Tem dezenas de variantes ao gosto mais apurado de cada um… ou até onde a imaginação possa levar. Não cheguei a experimentar, porque fiz para oferecer, mas segundo parece estavam bastante bons! Espero sinceramente que sim… Aqui fica:

250g de chocolate preto
75g de chocolate de leite
75g de chocolate branco
150g de frutos secos (usei amendoins caramelizados (sem sal), nozes, amêndoas e avelãs)

Colocar os frutos secos no copo, pesar e dar uns 3 ou 4 seg. na vel. 4. Não convém ficar em pedaços muito pequenos. Retirar e reservar.
Colocar os chocolates no copo, dar uns 3 ou 4 toques no botão do turbo e programar 4 min., 37.º, vel. 3. Verificar se os chocolates se encontram completamente derretidos e pela abertura do copo acrescentar os frutos secos, misturando na vel. 1. Quando estiver bem envolvido, e com o chocolate ainda quente retirar pequenas porções com uma colher de sobremesa e colocar sobre uma folha de papel vegetal até solidificarem. Não é necessário ir ao frigorífico.

Bom apetite!

sexta-feira, 5 de Novembro de 2010

Bolinhas de salame com avelã

Bolinhas de salame com avelã

Salame é sem dúvida uma das sobremesas favoritas da criançada. E em dia de festa, principalmente quando a festa é dedicada às crianças, não pode faltar. Vi uma sugestão de salame com nozes e cobertura de glacê, servido em forminhas de papel, na revista Doces momentos, da marca Sidul, que recebo periodicamente. Decidii adaptar a “coisa” à minha realidade e saíram estas bolinhas de salame com avelã e smarties. Rendeu 32. Aqui fica a sugestão:

125g de chocolate em pó
125g de açúcar em pó
125g de manteiga (usei margarina)
200g de bolacha Maria
50g de avelãs picadas
1 ovo inteiro
1 gema

Numa taça, misturar o açúcar em pó com a manteiga e misturar até o açúcar está bem incorporado. Acrescentar a gema, o ovo inteiro e o chocolate em pó e voltar a amassar. Partir as bolachas em pedaços pequenos (como fiz na Bimby, distraí-me e a bolacha ficou partida demais!) e picar as avelãs. Juntar ao preparado de chocolate e envolver bem. Fazer bolinhas e levar ao frigorífico um mínimo de 30 minutos (aconselho pelo menos uma hora). Antes de servir colocar os smarties pressionando ligeiramente para não caírem. Podem ainda colocar em forminhas de papel.

Bom apetite!

Bolinhas de salame com avelã

quarta-feira, 3 de Novembro de 2010

Bolinhos da Helena

Bolinhos da Helena com doce de cereja da Fátima

Estes bolinhos surgiram por causa de duas amigas virtuais (que já passaram disso). Uma deu a receita e a outra deu o doce! Muito obrigada às duas! São extraordinariamente simples de fazer e ficam deliciosos! Aqui fica:

1 ovo grande
100g de açúcar
100g de margarina
250g de farinha
1 colher de chá de fermento em pó
Doce de cereja q.b. (pode ser outro qualquer)

Bater todos os ingredientes (menos o doce!) muito bem até ficar uma massa homogénea. Moldar bolinhas com as mãos e fazer um furo em cada bolinho (com um dedo, ou uma colher) para encher com o doce.
Colocar num tabuleiro forrado com papel vegetal (ou outro) e levar a forno pré-aquecido a 180.ºC, cerca de 25 minutos.

Na Bimby:
Colocar no copo todos os ingredientes (menos o doce!) e programar 30 seg., vel. 6. O resto da receita, proceder da mesma forma.

Bom apetite!

Bolinhos da Helena com doce de cereja da Fátima

terça-feira, 2 de Novembro de 2010

Um blog amigo muito especial...



Para além do pudim de pêssego que já publiquei, hoje trago-vos também um muffin muito especial. É um blog recente, mas com grandes pernas para andar. De uma amiga muito especial, com quem partilho muitos interesses e sonhos, e que, apesar de já andar "nisto" há muito tempo, decidiu formalizar agora toda a sua paixão pelas linhas e bolinhos.

Fica a sugestão! Não deixem de espreitar THE MERRY MUFFIN

Pudim de pêssego com laranja – receita Bimby

Pudim de pêssego com laranja

Aqui fica uma sugestão mais fresquinha. É um pudim muito leve e muito simples de fazer. A receita foi simplificada em relação à original, do blog “Color y Sabor”. Convém fazer de véspera, para ter tempo de solidificar. Aqui fica:

1 lata de 870g de pêssego de conserva
200ml de natas (creme de leite) para bater
1 pacotinho de gelatina de laranja
50g de açúcar
250g do sumo da conserva do pêssego
Caramelo líquido para a forma

Retirar o pêssego da lata e escorrer, sem desperdiçar o sumo da conserva.
Colocar o pêssego no copo e triturar na vel. 4-5 até ter obter um creme liso e sem grumos.
Adicionar as 250g do sumo da conserva, as natas, o açúcar e o pacote de gelatina em pó. Programar 12 min, temp. varoma, vel. 2.
Enquanto isso, caramelizamos o recipiente onde queremos colocar o pudim (eu usei uma taça de vidro. Podem-se usar taças individuais ou um molde e desenformar depois de frio). Depois de pronto, colocar o pudim dentro da taça. Esperar que arrefeça e colocar no frigorífico até à hora de servir. Pode-se enfeitar com rodelas de laranja e servir com natas batidas.

Bom apetite!

Pudim de pêssego com laranja
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...