domingo, 29 de Novembro de 2009

Frango salteado com coentros, cogumelos e linguiça

Rápido, mais rápido não há. Sabem aqueles dias, em que já de mala ao ombro, vamos a correr tirar qualquer coisa para o jantar? Pois é, este foi um desses dias. Do congelador saíram os famosos peitos de frango, que há sempre lá por casa. Nem pensei mais no assunto durante o dia (porque há dias assim!) e quando cheguei a casa, estava cansada, banhos para dar, roupas para arrumar… enfim, o costume! Tempo para fazer o jantar 15 ou 20 minutos e nada mais. Saiu assim…

Frango salteado com coentros, cogumelos e linguiça

2 peitos de frango cortados em pedaços pequenos
4 linguiças ás rodelas
Cogumelos naturais laminados q.b.
Coentros q.b.
5 dentes de alho picados
Sumo de meio limão

Colocar um fio de azeite no fundo de uma frigideira e saltear a linguiça com o alho e os coentros. Quando começar a alourar, colocar os cogumelos e deixar fritar um pouco. Juntar os pedaços de frango, temperar com sal e um pouco de sumo de limão e deixar cozinhar por 8 a 10 minutos. Fica pronto a servir. Acompanhei com esparguete.

Bom apetite!

sexta-feira, 20 de Novembro de 2009

Azeitonas e uma boa tertúlia!

Azeitonas em crosta

Pois é! Faz hoje dois anos que nasceu o Tertúlia de Sabores. E nasceu em boa altura. Numa época em que os blogs de culinária proliferam na blogoesfera, há, como em tudo, os grandes destaques… e o Tertúlia é um deles. Desde as sugestões, ás fotos e à imagem, o Tertúlia é uma inspiração muito saborosa. Aceitando o desafio da Moira de publicar hoje uma receita seleccionada do seu blog, aqui fica a minha opção: Azeitonas em crosta. A receita que vou colocar será integralmente igual à original. Experimentem que vale MESMO a pena. E são muito simples de fazer. Aqui fica:

20 azeitonas verdes descaroçadas (usei azeitonas pretas)
50 g de farinha
30 g de manteiga
30 gr de queijo parmesão ralado (pode ser fresco ou seco – eu usei seco. Para a próxima usarei freso, para não ficar um sabor tão intenso a queijo)
1 colher de sopa de água fria

Azeitonas em crosta

Mistura-se a farinha com a manteiga, adiciona-se o queijo e a água fria para ligar, guarda-se a massa no frigorifico por meia hora, (eu coloquei no congelador por 15 minutos).
Estende-se a massa com a ajuda do rolo da massa sobre uma superfície enfarinhada (eu estendi entre duas películas de film de cozinha sem a farinha) e cortam-se pequenas rodinhas, utilizei uma chávena de café para o fazer.
Coloca-se uma azeitona bem seca sobre um pedacinho de massa e fecha-se. Procede-se de igual forma até esgotar a massa e as azeitonas. Vai de novo ao frio no mínimo 2 horas, ou durante uma tarde, para os bolinhos não perderem a forma ao cozer (em vez disso eu voltei a colocar no congelador por cerca de 40 minutos).
Vai ao forno quente a 170º, ventilado, durante cerca de 10 minutos ou até estarem douradinhos.

Nota: O queijo tem que ser ralado muito fino, senão não vai conseguir estender a massa, o queijo ralado de compra não serve, à excepção do parmesão.

Deixei as dicas da receita original, uma vez que me foram muito úteis.

Bom apetite!

terça-feira, 17 de Novembro de 2009

Sopa de espinafres – receita Bimby

Resultado... sopa de espinafres deliciosa!!

Como podem verificar, desde que anunciei que me tornei bimbólica até colocar a primeira receita passou um intervalo de tempo assustador. Não, eu não levei estes meses até ter coragem de usar a Bimby. Comecei a usá-la imediatamente! Só que tinha imensas coisas em atraso, que não queria perder. É que este blog, acaba também por ser um caderninho de receitas para mim, e muitas vezes venho aqui inspirar-me. Por isso não gosto de deixar nada para trás. Esta sopa foi mesmo a minha primeira experiência na Bimby. Antes de mais, aviso que não uso batata na sopa. E depois peço desculpa, mas não sei dizer as quantidades de legumes que uso. Tudo depende do tamanho. Além disso, tenho por hábito ter abóbora e courgette congelada, pronta para usar, o que ainda dificulta mais… por isso, aqui fica:

Alho francês
Cebola
Abóbora
Nabo
Cenoura
Courgette
Espinafres

Sopa na Bimby

Cortar um pouco de todos os legumes, com excepção dos espinafres, até encher o copo, um pouco antes da marca dos 2l. Encher o copo com água até cobrir um pouco os legumes. Temperar com sal e um pouco de azeite. Colocar a tampa e por cima a varoma com as folhas de espinafres para cozerem.

Programar 25 minutos, tem. Varoma, vel. 1.

Passado esse tempo, retirar o recipiente da Varoma, colocar o copinho e programar 1 min., vel. 6/7.

Depois de ter a sopa passada, envolver os espinafres. Tenho que confessar que nunca mais voltei a fazer sopa na panela…

Bom apetite!

Preparada para a primeira sopa :))

domingo, 15 de Novembro de 2009

Medalhões de pescada de cebolada com batatas em alho

Medalhões de pescada em cebolada...

Mais uma vez os medalhões de pescada a salvarem um jantar esquecido de tirar pela manhã do congelador. Desta vez não foram ao forno. Foram feitos no tacho, rapidinho. Demorou mais a fazer o acompanhamento. Aqui fica:

2 embalagens de medalhões de pescada congelados (uso do Pingo Doce)
2 cebolas médias/grandes
2 tomates bem maduros ou retirados daquelas latas de tomate em calda
1 colher de sopa de polpa de tomate
2 folhas de louro
Sal e pimenta q.b.
Azeite q.b.
Batatas q.b. descascadas e cortadas em palitos bem grossos
1 cabeça de alhos

Num tacho colocar as cebolas cortadas em rodelas finas. Por cima colocar o tomate, partido em pedaços e regar com azeite. Ligar o lume e quando começar a ferver, colocar os medalhões de pescada (que podem ir congelados), temperar com sal, polpa de tomate, um pouco de pimenta e as folhas de louro partidas em 2 ou 3 partes. Tapar, colocar em lume brando e deixar cozinhar.

...com batatas em alho.

Num tacho com água a ferver (deve-se colocar a água a aquecer antes de tratar do peixe) colocar as batatas a cozer, temperadas com sal. Deixar cozer sem desfazer. Retirar a casca exterior da cabeça de alhos e esmagar os dentes um a um com uma colher de pau. Escorrer as batatas. Numa frigideira colocar uma dose simpática de azeite e pôr os dentes de alho a fritar. Quando o azeite começar a aquecer (estalar) colocar as batatas e ir virando de modo a que possam dourar de todos os lados. Quando acabarem as batatas, o peixe também estará pronto e é só servir…

Bom apetite!

quinta-feira, 12 de Novembro de 2009

Entrecosto assado no forno com batata-doce

Entrecosto assado no forno com...

Um almocinho de domingo, pois então! Sim, que há pratos que não se fazem durante a semana… é que nem vale a pena tentar! (mas eu também já disse isto várias vezes, não foi?) Bem, sábado à noite fui ao congelador e resolvi tirar o pedaço de entrecosto para o almoço de domingo. No domingo de manhã, olhei para ele, olhei outra vez para ele… como é que eu te vou fazer??? E pronto, saiu assim… não é muito inovador, mas aqui fica:

1 pedaço de entrecosto golpeado
3 colheres de sopa de mel
Sumo de 1 limão
Sal
Pimentão doce
6 dentes de alho
Coentros q.b.
½ copo de vinho tinto
azeite
Batata doce (usei 3 médias)

Entrecosto assado no forno com...

Numa taça pequena misturar o mel, o sumo de limão, o sal, o pimentão doce, os dentes de alhos picados, os coentros picados e o vinho. Temperar o entrecosto com esta mistura (esfregar bem com as mãos, para o molho entranhar bem nos golpes e na carne) e deixar a repousar pelo menos uma hora. Ao fim desse tempo, colocar o entrecosto num tabuleiro que possa ir ao forno juntamente com todo o molho e regar com azeite. Lavar as batatas e cortar ás rodelas finas, com casca, dispondo-as de seguida, na vertical, a rodear o entrecosto. Salpicar as batatas com um pouco de sal fino. Levar ao forno pré-aquecido a 190/200ºC pelo menos uma hora, ou até estar tudo bem cozinhado. Acompanhar com salada a gosto.

Bom apetite!

domingo, 8 de Novembro de 2009

Delícia de bacalhau

Desafio Julho/Agosto do Cozinheiras desesperadas

Este é mais um dos desafios do grupo “Cozinheiras Desesperadas” do Flickr. Os desafios parecem ter chegado ao fim, mas valeu pelas boas experiências e bons resultados. Este foi um deles, apesar de não ter seguido a receita à risca, uma vez que a receita original, da minha amiga Bluejustin, era com pescada e eu fiz com bacalhau, que na altura era o que tinha em casa. Aqui fica:

1 lata de polpa de tomate com alho
4 ovos
1 embalagem de migas de bacalhau (400g)
batata palha q.b.
sal q.b.

Demolhar, limpar e desfiar as migas de bacalhau. Colocar um tacho com água a ferver e escaldar o bacalhau. Reservar. Aquecer o forno a 150º. Numa tigela colocar a polpa de tomate e triturar com a varinha mágica. Juntar os ovos inteiros e bater muito bem. Por último juntar o bacalhau e as batatas e envolver bem. Deitar num tabuleiro que possa ir ao forno e deixar dourar.

Bom apetite!

quarta-feira, 4 de Novembro de 2009

Bolo queijada de manga

Bolo/queijada de manga

Hoje trago uma sugestão para os poucos gulosos. Este bolo, que no fundo é uma queijada é muito pouco doce, mas bastante saboroso. Gostei da ideia da manga, uma vez que as queijadas giram quase sempre entre o leite, laranja ou limão. A receita é de uma amiga do Flickr, que também recentemente entrou no reinado da Bimby, a Anocas. Aqui fica:

1 lata pequena de polpa de manga (+ ou - 400g)
200g de açucar
150g margarina
2dl água
300g farinha
4 ovos

Juntar a polpa de manga com o açucar e bater muito bem. Juntar a margarina derretida e bater novamente. Sem parar de bater, adicionar a água. Juntar depois a farinha e mexer muito bem. Juntar os ovos um a um e bater bem entre cada adição. Deitar numa forma untada com margarina. Levar a forno pré-aquecido a 180ºC, até estar douradinha. Depois de arrefecer decorar com açúcar em pó.

Bom apetite!

Bolo/queijada de manga

terça-feira, 3 de Novembro de 2009

Crumble de maçã

Crumble de maçã

Já vi receitas de crumble de maçã em quase todos os blogs. Esta é apenas mais uma, igual a tantas outras. Mas pronto, sempre serve para completar o meu cantinho. Aqui fica:

5 maçãs (de qualquer qualidade)
Sumo de ½ limão
1 cálice de Vinho do Porto
2 colheres de sopa de nozes picadas grosseiramente
2 colheres de sopa de passas (sem caroço)
2 chávenas de chá de farinha de trigo, mal cheias
1 chávena de chá de açúcar amarelo
120g de manteiga partida em cubos pequenos

Descascar e cortar em pedaços pequenos as maçãs e colocar no fundo de um recipiente que possa ir ao forno. Regar e envolver com o sumo de limão e o vinho do Porto. Salpicar com as nozes e as passas. Reservar. Noutro recipiente juntar os restantes ingredientes e misturar com as pontas dos dedos, até obter uma massa areada e deixar de se sentir a manteiga. Cobrir as maçãs com esta mistura e levar ao forno pré-aquecido a 180ºC, cerca de 30-40 minutos. Servir quentinho, ou morno, acompanhado de uma bola de gelado.

Bom apetite!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...